segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Ismênia






Perfil grego,
De tantas vidas que teve
Pérsia, Egito, Armênia,
Essa é uma mulher que atravessou a ponte do sempre
A que tudo sabe,
A que tudo sente
Pela sabedoria que trouxe e que brota quando fala,
Quando olha
Quando cala
És filha de um tempo mais antigo,
De valores mais sagrados
Das bruxas e das fadas
Nada te passa desapercebido,
Mulher moderna perdeu o marido
Mas não a vida
Foi à luta,

Pois armadura, espada e lança,
E se lança a labuta
Trânsito, Transporte
Alimento comida,
Escola, criança,
Empunha a espada,
A pena leve, o mouse, a escrita.
A caneta digita o que o dia te traz
Ainda é artista no tempo que cabe,




WILSON COSTA



Agradeço ao colega escritor Wilson Costa pelo texto a mim dedicado. Ismênia Nunes



Minha foto
Fiz exclusivamente para a minha amiga Ismênia, forte, guerreira valente, lutadora, a quem muito admiro.


2 comentários:

  1. Fiz exclusivamente para a minha amiga Ismênia, forte, guerreira valente, lutadora, a quem muito admiro

    ResponderExcluir