sábado, 31 de março de 2012

Gêmeas Raras

Kian e Remee com 1 ano, ao lado da mãe

Reprodução:
Yahoo Notícias
 http://br.finance.yahoo.com/noticias/gemeas-raras-completam-7-anos-na-proxima-semana--veja-como-elas-estao.html


"Elas creseceram rodeadas de pessoas brancas e negras. Mas elas são elas mesmas. Elas não veem a diferença que as outras pessoas veem", finalizou a mãe.

As gêmeas Kian e Remee são uma raridade genética. Nascidas com apenas um minuto de diferença, em 7 abril de 2005, as irmãs inglesas são fisicamente muito diferentes. Kian tem a pele negra, cabelos e olhos castanhos e Remee é loira, de olhos azuis e tem a pela branca. A probabilidade de isso acontecer com gêmeos filhos de pais negros (mestiços) é de uma em um milhão! Tanto Kylee Hodgson, quanto Remi Horder, os pais das meninas, têm mães brancas e pais negros.

Próximo ao aniversário de 7 anos das meninas, os pais disseram ao jornal Daily Mail que a vida das meninas vai muito bem, obrigada! "Elas não se preocupam com a cor de suas peles. Isso não é um problema, como todo mundo costuma achar que é", disse a mãe. As meninas são muito unidas e, ao contrário do que parece, têm muito em comum. "Elas tem uma afinidade meio intuitiva e fazem tudo juntas: dançam, cantam, leem e até espirram juntas, às vezes! A primeira palavra das duas foi a mesma e ao mesmo tempo: suco! Mas é claro que elas também têm interesses diferentes: enquanto Kian adora animais, Remee gosta de culinária", contou Kylee.



sexta-feira, 30 de março de 2012

Famosos que superaram doenças graves.

 Você também pode! Acredite!

Abaixo um pouquinho da história de superação de cada um.

Todos eles tiveram confiança e lutaram contra a doença, não se deixando esmorecer, acredite, lute, supere, ore, ore muito. Uma prece feita com confiança pode levar bons fluidos e nos curar de qualquer doença. Fé e coragem, tudo vai dar certo, nestes momentos, procure fazer boas leituras, bons livros, bons filmes ajudam a nos manter confiantes.

Ismênia Nunes




Fonte: Yahoo Notícias
Ana Maria Braga - Ao descobrir um câncer de pele, em 1991, Ana Maria Braga teve o seu primeiro contato com a doença. Sete anos depois, a apresentadora teve um segundo contato, ao diagnosticar um tumor benigno no útero. Em julho de 2001, para a surpresa dos telespectadores, Ana anunciou, ao vivo, no "Mais Você", que, dessa vez, estava com câncer no reto. Sem dúvidas, ela é um grande exemplo de superação!

Reynaldo Gianecchini - O Linfoma de Hodgkin é um tipo de câncer que se origina nos gânglios do sistema linfático, tecido que produz células responsáveis pela imunidade. Reynaldo Gianecchini cofirmou, em outubro de 2011, que estava com esse câncer, raro e complicado. O ator enfrentou o tratamento de frente, mesmo após perder seu pai, que também lutava contra a doença. Após muitos depoimentos emocionantes, campanhas e força de vontade, Gianne se curou. "Eu consegui ...


Hebe - O peritônio é uma membrana que reveste o aparelho digestivo. Foi neste local que Hebe Camargo descobriu um câncer, no início de 2012. Além de ser considerada rara, a doença foi detectada já em fase de metástase, o que dificultou o tratamento. Porém, Hebe foi forte e, meses mais tarde, os médicos divulgaram que a apresentadora estava livre da doença.
     Glória Perez - Sentiu na pele o drama pelo qual Reynaldo Gianecchini passou recentemente. Em 2009, a autora recebeu o diagnóstico de linfoma, enquanto escrevia o sucesso "Caminho das Índias". Apesar do tratamento, Perez nunca deixou de trabalhar e alternava as sessões de quimioterapia com os capítulos da novela, que precisavam ser escritos.
     Michael C. Hall, protagonista da série "Dexter", anunciou, em janeiro de 2010, que estava com Linfoma de Hodgkin. A mulher do ator disse que o marido foi "inacreditavelmente forte" durante todo tratamento. Michael não deixou se abater e até foi receber um prêmio enquanto estava doente. Grande exemplo!
    Claudia Gimenez sofreu um infarto em 1999, quando tinha apenas 41 anos, e precisou colocar quatro pontes de safena. Mais recentemente, ela foi diagnosticada com uma calcificação na válvula aórtica e diminuiu o ritmo de trabalho, mas não abriu mão de participar da novela "Aquele Beijo". Em junho de 2011, ao saber que a drag queen Isabelita dos Patins havia sofrido um infarto, ela arcou com todas as despesas da internação e argumentou: "Sei o que é passar ...
     Patricia Pillar sentiu um nódulo em seu seio esquerdo, em 2001. A atriz passou por uma cirurgia de retirada do tumor e sessões de quimioterapia, até que a doença se mostrou completamente ausente. Mulheres, praticar o autoexame é muito importante!
         Christina Applegate, atriz das séries "Samantha Who?" e "Um Amor de Família", foi diagnosticada com câncer de mama em 2008 e passou por uma mastectomia dupla (retirada dos dois seios). No ano seguinte, tratada e curada, a atriz lançou a fundação Right Action, para levantar fundos em benefício das mulheres que precisam de ressonância magnética. "Foi o que salvou minha vida", argumentou.

Drica Moraes foi internada após passar muitos dias com dores no corpo e desmaios. A atriz descobriu que os sintomas eram por conta da leucemia, um tipo de câncer que afeta a medula óssea. O tratamento incluiu transfusão de sangue, sessões de quimioterapia e transplante de medula, que exigiu muito da atriz. Drica se recuperou e não vê a hora de vltar, de vez, ao trabalho.

Vera Gimenez - A mãe de Luciana Gimenez descobriu, em 2010, que estava com câncer pela terceira vez. Em 1994, Vera Gimenez tirou a mama esquerda; em 2004, ao fazer exames, descobriu que estava com o mesmo tipo de tumor na costela. Muitos de desesperariam com a notícia, mas Vera não! "Não estou morrendo de câncer. É a terceira vez que ele aparece e eu sempre descubro quando faço exames de rotina", alertando a importância desses exames preventivos.


Kylie Minogue doi diagnosticada com câncer de mama em 2005. A cantora precisou adiantar a turnê Showgirl, para começar logo o tratamento. Até hoje, Kylie chora ao lembrar da batalha contra a doença: "Qualquer pessoa que teve câncer ou outra doença que envolve cirurgias e tratamentos sofridos sabe exatamente que você nunca mais será o mesmo."


 Michael Douglas venceu! Após seis meses de tratamento contra um tumor malígno na garganta, em agosto de 2010, o ator, de 66 anos, recebeu um diagnóstico e se submeteu a sessões de quimioterapia e radioterapia, que ele mesmo descrevia como sendo "O inferno". Depois de um longo tratamento, Douglas ficou curado. "Foram seis meses selvagens(...) Agora, posso dizer que venci!"
Em 2010, Demi Lovato abandonou uma turnê internacional com os Jonas Brothers, para que pudesse tratar distúrbios bipolares e alimentares em uma clínica. Ela teve de superar, ainda, a automutilação, que praticava desde os 11 anos. Após o tratamento, ela voltou aos holofotes com muito mais controle sobre a própria vida. Em 2011, emplacou o hit "Skyscraper" e falou sobre o significado da música: "Simboliza minha jornada


Ronnie Von - Nos anos 80, chegaram a matar Ronnie Von quatro vezes. Com uma rara doença chamada Poliomielite Plurirradicular, que causa inflamações nos nervos de todo o corpo, o cantor ficou imóvel em uma cama por sessentas dias. A dor que Ronnie sentia era tanta que nem morfina adiantava. Ele confessou que, apesar de ter pedido muitas vezes para que os médicos o matassem, aprendeu a dar mais valor às pequenas dores da vida ao enfrentar esse desafio.


Luiz Inácio Lula da Silva - Horas após a equipe médica que trata o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgar um boletim afirmando que seu câncer já não é mais “visível”, a presidente Dilma Rousseff comentou o anúncio dizendo que “está tudo superado”.


Dilma Rousseff diz que ela e Lula são exemplos de que câncer é derrotável
Ela comentou os resultados do tratamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra um câncer de laringe, a presidente Dilma afirmou que tanto ela como Lula são exemplos de que é possível derrotar a doença. "Acho que isso é uma mensagem para todas as pessoas que hoje passam por essa doença: que ela é derrotável (...) cada vez mais você pode superá-la. Eu sou um caso, o presidente Lula é outro, e têm tantas outras pessoas", disse a presidente.



A incrível amizade entre uma raposa e uma cadela

Reprodução











quinta-feira, 29 de março de 2012

Lei Seca e Leis Brasileiras

video

Por: Ismênia Nunes

Com a decisão do FTJ de que a comprovação da embriaguez se dê apenas por exame de sangue ou bafômetro a população ficou ainda mais revoltada, afinal a lei seca não tem mais o peso, o valor que tinha antes.
Esta decisão é absurda, imoral e irresponsável. Nestas horas tenho vergonha de ser brasileira, como também quando em nome da lei soltam assassinos, traficantes. Nossas leis precisam ser mudadas urgentemente, precisamos rever nossos valores, nossos conceitos, precisamos fazer passeatas, protestar contra estas e outras barbaridades. Deixarmos de ser passivos e aceitarmos tudo, essas leis que não são corretas, nem justas e nem mesmo tem nexo. As leis precisavam e deveriam ser feitas para cuidar, proteger e auxiliar o cidadão de bem, mas vemos que a cada dia as leis são idealizadas para proteger o que mata, o que rouba o que sem nenhuma consciência bebe e mata um inocente. Esta lei e muitas outras leis brasileiras precisam ser revistas. Entre elas, a principal e diretamente ligada a lei seca, a lei que diz que o indivíduo não é obrigado a produzir provas contra si, então se ele não pode produzir estas provas ele mesmo sabe e a sociedade sabe que ele se acha culpado, se ele tem consciência tranquila, o faria sem qualquer problema. Mas a partir do momento que ele se nega a fazer este exame é que tem culpa no cartório.
Nos casos de comprovação de paternidade quando o indivíduo se recusa a fazer o exame é considerada a paternidade, ou seja, a não realização do exame o condena aquilo que ele mesmo se nega a comprovar com o exame de sangue. Porque então no caso da comprovação da embriaguez a lei age diferente? Será que o motivo é que quem faz as leis usa ou mesmo tem filhos que abusam da bebida como temos visto todos os dias nos jornais? Será que o dinheiro destas pessoas bem sucedidas tem de alguma forma, influenciado a decisão legal? Se o problema é a lei já existente, a que coloca que o cidadão não pode produzir provas contra si, está na hora de repensarmos esta e tantas outras leis.
Outra lei que deveria ser mudada é a da progressão de penas nos casos de morte, casos de tráfico de drogas, sequestro, estupro, ocultação de cadáver. Estes tipos de crimes não deveriam de forma alguma ter progressão de pena. E sim ter suas penas aumentadas.
Além disso, precisamos repensar a questão do menor infrator, do menor que mata, colabora com o tráfico. Poderíamos aprovar a maioridade penal para 16 anos ou então criarmos locais de recuperação para estes menores. De forma que o jovem que cometesse um homicídio cumpriria a pena nestes locais e depois dos 18 anos o restante da pena numa penitenciaria.
Sabemos que muito destes descaminhos acabam acontecendo em muitos casos,  por uma falta de estrutura familiar, por falta de apoio a educação, as famílias carentes, que estão cada vez mais abandonadas a sua sorte, muitas famílias trazem o vício, seja da bebida, seja  das drogas e as crianças crescem sem uma estrutura familiar adequada.
O governo não tem um programa que possa dar um apoio psicológico, financeiro, educacional, social. Pelo menos não tem um programa que seja eficiente e autossustentável. Em muitos casos estas crianças crescem vendo os desentendimentos dos pais, as brigas, as violências, o uso do álcool, de drogas, da violência, do tráfico, como se aquilo fosse o mais normal possível. E agora pergunto, onde estão os conselhos tutelares, as alternativas para auxiliar estas famílias? Este atendimento deveria ser mais amplo, os conselhos tutelares, os funcionários envolvidos com as causas não estão totalmente preparados ou mesmo são insuficientes para atender tantos casos. Estes atendimentos não precisavam ser exclusivamente de prefeituras, onde a família teria que buscar o atendimento. Mas ter um acompanhamento mais próximo, desde a área da saúde quando as crianças nascem até nas escolas com profissionais que acompanhassem as crianças e as famílias.
Um atendimento completo, o melhor seria um atendimento mais preventivo do que defensivo. Este atendimento poderia ser feito com vários profissionais como assistência social, psicólogos, psiquiatras, neurologistas, sociólogos, professores, seja em salas de aula seja em atividades complementares externas. Além de visitação para famílias, reuniões, cursos. Quanto mais próximos e integrados as famílias mais se poderia fazer. Uma escola em tempo integral com reforços, artes, esportes e cursos e atividades para alunos e pais, tudo isto iria com certeza vir a ser eficiente na prevenção das drogas, da violência e dos crimes.
Além dos casos mencionados acima, com a falta de estrutura familiar, sabemos que outros acontecem todos os dias, os "filhinhos de papais" que bebem, e muitas vezes até estupram e nada lhes acontece, abafa-se o caso, paga-se uma fiança, afinal o dinheiro no Brasil compra tudo. Compra a liberdade, agora parece que até mesmo as leis são compradas, porque se não fosse assim, como explicar tanta impunidade, tantas leis absurdas, tantos criminosos soltos?
Em São José, no estado de Santa Catarina, tínhamos o abrigo São Lucas, onde os menores infratores ficavam estes menores, todos sabemos, eram em sua maioria muito perigosos, e foi o que muitos puderam verificar depois que o centro foi colocado ao chão e os menores soltos. Os crimes, os assaltos, as mortes e até o tráfico aumentou. A polícia muitas vezes pegava estes menores em flagrante, mas não pode fazer nada contra uma lei que parece ser a favor do crime, da impunidade. A lei que coloca que menor de 18 anos não pode ser preso. Mas se pelo menos os abrigos continuassem a existir, claro que com uma estrutura melhor que a anterior.
Será que se um dia os legisladores tirão algum caso de perda de um filho, de uma mãe em sua família? Será que aí eles poderão pensar melhor? Talvez seja o que está faltando. Infelizmente, em muitos dos casos é necessário que o mal aconteça para que o homem veja em que pé chegou.
Até mesmo a cúpula da polícia tem sido alvo de assaltos. Esse pessoal não respeita mais ninguém. Para que temos leis? Para que servem essas leis? Será que queremos ser apontados não só pelo povo brasileiro, mas pelos povos do exterior como o país que mais liberta assassinos, o país da impunidade. Precisamos ter orgulho de nosso país e não vergonha, mas deste jeito não tem como ser de outra forma, o Brasil, nossas leis precisam mudar, agora, já. Chega de impunidade. Brasileiros sim, impunidade não. Se o problema é a lei, as leis que mudem as leis. A lei precisa ser justa não somente ser lei por ser... Tudo na vida tem que ter um motivo, um nexo, e as leis não podem ser diferentes.


Abaixo o linck a respeito do assunto

Estudo indica que Via Láctea tem bilhões de planetas supostamente habitáveis


Qual o motivo da presunção do homem? Afinal, com um universo imenso, porque será que ele insiste em acreditar que somente o nosso planeta é habitado, será mesmo que ele acredita que Deus faria todo esse universo para que os homens ficassem apenas adimirando? Ou ainda que seria para termos opições de troca quando desenvolvidos em ciência e já tendo destruido o "nosso lar" pudéssemos migrar para outras constelações numa nave espacial e ainda nos sentirmos o dono de tudo? E como ficariam os habitantes, seriam mortos ou expulsos como foram os índios do nosso Brasil?

Em 1857 já se afirmava da existência da vida em outros planetas. Os estudiosos da época já tratavam deste tema, e foi Hipolyte Leon Denizard Rival que nos presenteou em uma de suas obras sobre o assunto em questão. Hipolyte já tratava do tema há mais de um século, mas o homem ainda continua a ser o mesmo São Tomé, só acredita vendo, mas antes destrói o que tem. Destrói o planeta em que vive. O cuidado com nosso planeta, o problema do lixo, da poluição, as guerras parece que mostra a natureza mais que animalesca dos homens. Será que a maioria dos homens ainda continua tendo a presunção que vive só no universo?

Outra pesquisa realizada com uma sonda enviada ao espaço acabou caindo no deserto na terra (Saara) e esta dizia que não havia vida no planeta, o que podemos deduzir que a nossa técnologia ainda não consegue verificar a existência de vida em distâncias maiores. O que nos mostra que a nossa ciência ainda está engatinhando, mas aos poucos o homem consegue verificar que a vida em outros planetas e até outras galáxias é uma realidade. Vejam abaixo o que dizem os cientistas.

Ismênia Nunes




Reprodução
Fonte:
http://br.noticias.yahoo.com/estudo-indica-via-l%C3%A1ctea-tem-bilh%C3%B5es-planetas-supostamente-154523517.html



quarta-feira, 28 de março de 2012

Dias Nebulosos



DIAS NEBULOSOS

Tem dias que você se sente assim... Como se estivesse em dias nebulosos, como se a nevoa não passasse, como se as nuvens não se dissipassem, como se a chuva não cessasse, como se a trovoada não passasse.
São momentos de angústia, de dor; um nó na garganta, um aperto no peito, um peso, uma vontade de chorar... O aperto e a dor é tão grande que, você às vezes sente-se como se não tivesse mais forças, não tivesse mais alternativas, não tivesse mais chão...
São dias feitos para avaliar, para aquietar e para pensar. Que assim como existem as nuvens também há o sol, às estrelas e a grandeza do universo. Precisamos ver o todo e não nos atermos em um só momento, não nos atermos somente nas nuvens, na tempestade, que muitas vezes parece que não acabará jamais, mas nossa sabedoria e confiança em Deus nos mostra que o mal, as dificuldades, os problemas, podem até ficar por algum tempo, mas ele não é eterno. Tudo passa. Somente uma coisa fica: A certeza que o bem é maior, que Deus é maior que o sofrimento, a dor tudo isto é aprendizado, tudo isto é passageiro. O que permanece o que no fim acontece é sim o bem, o amor. Se ainda não aconteceu essa mudança das coisas ruins para as coisas boas é que ainda não acabou... Ainda estamos no caminho, ainda não chegamos ao nosso destino final... Precisamos continuar de cabeça erguida, precisamos caminhar, confiantes, fortes, respirar fundo. Orar, acreditar... Lembrar sempre de agradecer a Deus o que temos, pois sabemos que é o que precisamos para o momento, precisamos muitas vezes passar por caminhos difíceis, apertados, para depois chegarmos ao nosso destino final... Mas para isso precisamos acreditar que o destino existe, não podemos parar no caminho, precisamos caminhar. Caminhar, sempre confiando, orando e acreditando em Deus. Em alguns casos nos sentimos sozinhos, em alguns somos premiados com a presença de amigos. Eles nos auxiliam, nos dão força e alegria. Mas e quando nos sentimos completamente sós, mesmo rodeados de pessoas, percebemos que vivemos numa solidão. É neste momento que precisamos mostrar nossa confiança em Deus, e nos mantermos centrados, confiantes, perseverantes, não esquecermos que a prece é um grande aliado de forças, que ela nos deixa ligados ao plano mais alto, então sim faremos uma ligação com o alto, e desta forma poderemos contar com a ajuda dos céus... Precisamos fazer a nossa parte, pois a ajuda só poderá vir se fizermos a ligação, e está ligação é necessária de sintonia, e não se pode fazer sintonia se estivermos desligados do plug da divindade, e esta ligação se dá através da confiança e da fé em Deus... Depois que tudo passar, estaremos mais fortes para enfrentar as dificuldades outra vez... Força, coragem, fé, confiança são atributos necessários para viver bem a vida e sermos felizes, e felizes mesmo com problemas. Pois “o homem feliz não é aquele que não tem problemas, mas sim o que sabe administrá-lo”. Confie em Deus, mas confie em você também...

terça-feira, 27 de março de 2012

DIVALDO FRANCO na grande Florianópolis

Google imagens


Divaldo Pereira Franco

Quem conhece dispensa apresentações, o conferencista espírita conhecido no Brasil e no exterior estará HOJE na arena multiuso. A entrada é franca, se você ainda não conhece, não perca vale a pena.

Dia 27 de março - HOJE
na Arena Multiuso em São José
(Av. Beira Mar s/n, São José - SC)
Conferência Pública
Às 20h

Apresentação com alunos nus choca estudantes em universidade no Amazonas

Alunos do curso de Licenciatura de Artes Plásticas causaram polêmica no Amazonas. (Fotos: Divulgação/ Betilsa Rocha
 
 
Reprodução
Fontes: Yahoo notícias
 
 
Uma apresentação artística com quatro estudantes nus chocou estudantes da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), em Manaus, na quarta-feira (21). A acolhida aos calouros no curso de Licenciatura de Artes Plásticas durante o projeto ‘Café com Artes’ gerou polêmica. As informações são do portal “G1”.

Alguns estudantes se sentiram constrangidos diante da apresentação, que pretendia mostrar como funciona na prática a técnica de monotipia (processo de impressão artística por meio do qual se transfere, por pressão, uma pintura em cobre, vidro ou matéria plástica, para o papel). “As pessoas não estão acostumadas com esse tipo de coisa. Apoio quase todas as manifestações de arte na Universidade, mas essa foi meio tensa”, declarou ao portal de notícias o aluno do 4° período de Língua e Literatura Francesa, Bruno Davila.

“A roupa só iria atrapalhar [o processo]”, contou o idealizador da mostra, Fabiano Barros. Segundo o autor do trabalho, a mostra foi autorizada pelo professor Doutor do Departamento de Artes da Ufam, Otoni Mesquita. “Ninguém esperava um trabalho tão audacioso, porque 99% das pessoas têm medo ou repulsa ao nu, à beleza natural”, acrescentou.
Segundo a chefe do Departamento de Artes, Denize Piccolotto, o nu artístico não chegou a acontecer porque os alunos usaram tapa sexo e estavam com o corpo pintado. “Eu acho que falar mal disso, em pleno século XXI, é um exagero por parte de pessoas que desconhecem o valor e o significado da arte”, disse a professora.

Apresentação com alunos nus choca estudantes em universidade no Amazonas
 

Imagem: Blog Meio Norte


 

domingo, 25 de março de 2012

Tudo cai do céu

Fotos: Google Imagens



  Por: Ismênia Nunes

Era um belo dia de domingo, o céu estava todo azul, sem nuvem, o sol brilhava e já mostrava que aquele dia iria ser de um sol esplêndido. Seria um dia muito especial...
Sim, iria acontecer o II Campeonato Internacional de Balonismo.

Todos se encaminhavam para o local, e lá também estava Felipe, um lindo bebê de oito meses e seus pais. Quando chegaram ao parque, que mais parecia um imenso jardim verde, o campeonato já havia iniciado. Um grande número de expectadores encontrava-se ali, existia inclusive um espaço reservado para recreação das crianças, com palhaços, camas elásticas e muitas brincadeiras. Mas Felipe por ser pequenino permaneceu no seu carrinho junto a seus pais.
O campeonato ocorria na mais perfeita ordem, o favorito era Marcio Alexandre, carioca de 29 anos, que mostrava o porquê deste favoritismo. Provavelmente estaria entre os primeiros, mais uma vez.

O céu estava lindo, o dia ajudando, e com tantos balões coloridos, que magnífico... Todas as atenções estavam voltadas aos céus, mais de cem balões de vários estados e países participavam do II Campeonato Internacional de Balonismo.       

E Felipe estava ali no seu cantinho, quietinho, quietinho...

                De repente, para surpresa de Felipe, os balões começam a se mover com maior rapidez, sim eles estão perdendo altura, ele observa aquilo muito admirado, olha para o céu e vê todos aqueles balões coloridos caírem. Assustado, arregala os olhos, agita-se, grita e chora!
               Seus pais chegam junto a ele e dizem:

                - O que houve Felipe? Está tudo bem. E como o menino não parasse o choro, sua mãe o pega nos braços...
                Mas ele continua tendo aquela visão assustadora, muitos e muitos balões coloridos, caindo do céu... E o pior, em sua cabeça! “Ah! Tudo cai do céu... e volta a chorar!” Sua mãe tenta acalmá-lo: “ - O que é isso Felipe? Pegue este balãozinho, brinque, olhe só que lindo esse balão vermelho!”.

                Na ocasião do campeonato soltaram uma quantidade enorme de balões para as crianças e aquilo acabou por assustar Felipe que nunca houvera visto aquilo antes, era mesmo uma quantidade muito grande...     Ao final, o favorito: Marcio Alexandre foi mesmo o campeão e levou o seu prêmio para o Rio de Janeiro. Era o troféu e a medalha de ouro. Para o garoto Felipe, tudo caiu do céu... Já para todos ali, foi um trabalho árduo, para que tudo acontecesse na mais perfeita ordem.

                Para o carioca, o campeão, as coisas não caíram do céu, este dedicou-se muito para conquistar aquele título.

MORAL DA HISTÓRIA – Nem tudo é aquilo que parece ser. As coisas, a vida podem ser vistas de vários ângulos e ter muitas interpretações, principalmente se não nos dignamos a entender a situação. Porém cada um tem uma óptica, nem sempre a única ou a verdade única. A verdade pode ter muitas faces.
Recomende, comente, siga - http://blogismenianunes.blogspot.com
Brasil Sonoro - www.brasilsonoro.com.br

sábado, 24 de março de 2012

Crítica ao Big Brother Brasil



Por: Ismênia Nunes


 Já não basta o programa ser uma grande baixaria; ainda querem obrigar a todos  a assistirem em todos horários e em todos os lugares. Como se ver Big Brother fosse uma obrigação, nem durante o dia, que não é o horário do programa sossegam.

Querem empurrar-nos  goela abaixo mostrando tudo o que acontece o tempo todo, não basta o horário estabelecido para o programa. Ele tem que ser empurrado em todos os horários, no meio de programações como flasch jornalístico. Um abuso, muitas pessoas se tornaram bonecos. Diferente de muitos que se acostumam com esta situação, tomo uma atitude de repúdio, não dando o gosto participar de um Ibope forçado. Uma emissora que veicula um programa que não respeita a família brasileira, nestas horas lembro-me dos tempos em que programações muito menos agressivas eram proibidas a menores. Vinha sempre o alerta: - “Atenção senhores pais, este programa não é recomendado para menores de 10 anos”.  Naquele tempo até mesmo a criminalidade era menor, hoje tudo é permitido, não há mais respeito, a emissora não se importa que crianças estejam na frente da televisão. Aliás, não basta o desrespeito num horário ainda cedo para este tipo de programação, insisto, empurram  durante o período da tarde em que todos estamos certos de que haverá crianças. Qual é o objetivo da Rede Globo com isto? Sinceramente além desta falta de respeito, não acho um programa relevante para que seja transmitido, deveria sair o ar. Ou ainda se preferirem mudar o horário para bem mais tarde.

Crítica à novela “Fina Estampa”

         Griselda é surpreendida pelo retorno de Tereza Cristina, na última cena de 'Fina Estampa'                                     
Griselda é surpreendida pelo retorno de Tereza Cristina, na última cena de 'Fina Estampa'
(Divulgação/TV Globo)

Por: Ismênia Nunes
Fina Estampa terminou ontem (23/03/12) e com certeza deixou muito telespectador descontente não só com o final em si, mas com a forma que a novela vinha sendo transmitida nos últimos dias.
Muitas coisas podem ser mencionadas e analisadas na novela. Mas, um grande absurdo foi a forma com que foi veiculado a primeira noite da menina Solange, interpretado por Carol Macedo. Não era uma cena necessária, ou pelo menos deveria ter sido suavizada, menos explicita e mais breve. Se compararmos as novelas de outras emissoras, a Record, por exemplo, poderemos ver que este tipo de apelo não existe. São novelas de cunho familiar, escolar e educacional, mas a emissora a que nos referimos não se importa com as famílias. Aliás, há um total desrespeito. Quando a cena foi ao ar, com certeza chocou muitas pessoas e até meninas de doze e quatorze anos que assistiram. Cenas estas, não deveriam ser liberadas para idade de doze anos. Além desta cena, em particular, muitas outras não eram próprias para a idade a qual a emissora diz ser recomendada. Uma novela que incitou o sexo pelo sexo, o crime, a mentira, a traição, a discórdia, a inveja, a discriminação social e sexual e a impunidade.
Com relação à novela em si,  iniciou com uma audiência razoável e foi caindo. Principalmente nos últimos capítulos, onde mesmo com os apelos da personagem Tereza Cristina, interpretado por Christiane Torloni não conseguiu mudar a queda de audiência.
A novela não deixou contentes os telespectadores que não foram respondidos em suas ânsias: - a não revelação do amante de Clodoaldo Valério (Marcelo Serrado), a impunidade de Tereza Cristina. Aliás, essa parte da novela vem mostrar o panorama em que nossa sociedade vive hoje, onde os que têm dinheiro sempre se dão bem, não são presos, não pagam por seus crimes, nada lhes acontece.
Mas os que não têm este benefício, os pobres, não têm a mesma sorte. Até mesmo o personagem Ferdinand (Carlos Machado), foi punido com a morte. Não representava a classe abastada, rica. Não fazemos aqui qualquer apologia à pena de morte. Este foi o final dado pelo autor da novela. Com tantos crimes, não houve sequer uma prisão na novela “Fina Estampa” veiculada pela Rede Globo.  A novela poderia ter trazido uma mensagem ao final, com a prisão, morte ou mesmo uma suposta loucura da personagem Tereza Cristina. Poderia mostrar que o crime não compensa, que nada fica impune, mas a emissora preferiu deixar livre aquela que os cometeu. Não aproveitou o meio para dar bons exemplos. Que exemplo essa novela mostra aos nossos jovens? Além de não definir corretamente a idade que poderia ser assistida. Pois que dizia ser recomendável para doze anos. Aquele apelo todo para doze anos? Que exemplo as crianças, aos jovens? Qual o objetivo do autor da novela e da emissora?
Fina Estampa foi uma novela que prometeu muito, mas que só fez ser um exemplo de impunidade e desrespeito ao povo brasileiro. Já temos muita violência no Brasil, qual o propósito em veicular uma novela com este tom agressivo, criminoso e nem dar um final justo, um exemplo, uma lição?


Análise crítica aos personagens de “Fina Estampa”

video




Por: Ismênia Nunes
Solange (Carol Macedo) - Mostrou-se uma menina muito avançada e fogosa para a idade. O autor e a emissora deveriam ter mais critérios ao veicular estas cenas com meninas tão jovens, mesmo que tenham dezoito anos. (Aliás com um salto, decote e maquiagem qualquer menina de 13 ou 14 anos pode até parecer ter 18. Independente da idade a jovem não passa um bom exemplo as meninas de sua idade.)
Estes foram os comentários de alguns expectadores a respeito da personagem.
http://wp.clicrbs.com.br/holofote/2011/12/27/solteiro-daniel-alves-teria-ficado-com-carol-macedo/
 Bob diz:
  27 de dezembro de 2011 às 4:28 pm
 Essa garota é uma péssima influência para outras meninas, inclusive pelo papel que ela faz na novela.
 Não sei como ninguém se manifesta. Parece algo normal já uma garota dessa idade se oferecendo em horário nobre.
Carla Marttins diz:
  27 de dezembro de 2011 às 2:39 pm
 Essa menina tá bem periguetezinha né, em pensar que outro dia tava fazendo uma menina toda doce ingênua em Passione, é pelo jeito mudou a personagem e a personalidade.
 Suzana Pires (Marcela Coutinho) – A personagem mostrou em seu papel de repórter, uma ideia errada do que realmente seria uma repórter, mostrando uma personagem, digo, uma  jornalista sem ética, sem escrúpulos. O que não passa a  verdade da classe. Pareceu-me que esta visão foi intencional, se  viesse a ser assimilada pelo público em geral, “desobrigaria de qualquer responsabilidade”,  a emissora, a empresa que contrata o profissional. Como se toda responsabilidade desta falta de ética fizesse parte do profissional em jornalismo. Quando não o é, aliás está é uma visão errada do profissional. Se a emissora quisesse mostrar um exemplo de profissional que poderia existir como exceção, como uma escolha de personalidade não teria mantido o mesmo estilo ao repórter Beto Júnior. Sabemos que o estilo foi o mesmo da jornalista Marcela.

Caio Castro (Antenor) – O personagem iniciou como um rapaz mentiroso, irresponsável, mas com o tempo, foi mudando e ao final da novela pode dar o exemplo que vale a pena ser honesto e correto. O importante foi que tudo isto, essas mudanças se deram devido a influência da mãe Griselda que não deixava o rapaz em paz até que este visse qual era a melhor maneira de viver a vida e a importância da honestidade. Os pais muitas vezes precisam ser duros para mostrar o bom caminho aos filhos, somente assim eles poderão ser felizes.
Lilia Cabral (Griselda) – Uma personagem que fez a diferença, mostrou a importância da honestidade, do trabalho e da simplicidade, e que mesmo tendo dinheiro não mudou como pessoa. Mostrou que uma mulher sozinha, mas correta pode criar os filhos e dar um bom direcionamento a eles com seu exemplo.
Christiane Torlone (Tereza Cristina) – A personagem iniciou a novela aparentemente como uma pessoa normal, mas não demorou para mostrar o que realmente era. Trouxe traços de uma psicopata, criminosa, mostrou uma visão torta das pessoas e incitou ao erro, ao crime, a traição. O desrespeito aos filhos. Apesar de seu desiquilíbrio emocional não foi internada, não se tratou. Apesar de todos os crimes não houve a prisão.
Carolina Dieckmann (Teodora) – A personagem mostrou sua mudança.  No início da novela era vista com preconceito e desrespeito de todos. Por amor ao filho Quinzinho (Gabriel Pelícia) e mesmo a Quinzé, mudou de vida, não totalmente, pois que os vestidos eram os mesmos, mas o importante é que Teodora resolveu viver em família e ser uma pessoa melhor dentro do que lhe era possível.
Carlos Machado (Ferdinand) – Um homem mafioso, manipulado e que usou de todos os artifícios para ficar com Tereza Cristina. Sua personalidade e seu físico em nada eram iguais. O fato é que muitas pessoas ainda olham para o exterior de uma pessoa e esquecem de olhar o que ela realmente é, Ferdinand era o típico bonitão, mas criminoso e canalha. Poderia ter sido preso ao invés de ter tido um final daquele.
Rodrigo Simas (Leandro) - O personagem conseguiu mudar de vida e ter um crescimento graças ao incentivo dos amigos e da família. O papel da mãe foi imprescindível para esta mudança.
Cris Vianna (Dagmar) - Um exemplo de mulher, desde o início da novela mostrou a cara de muitas mulheres brasileiras, trabalhadoras, que cuidam de seus filhos sozinhas, sustentam um lar, tem que ajudar os filhos da ficar no bom caminho, honestas corretas e guerreiras.
Juliana Knust (Zuleika) – Típica mulher que quer tirar vantagem em tudo, desonesta, aproveitadora. A personagem também se saiu muito bem no final, apesar das chantagens e de tudo que aprontou, nada lhe aconteceu. Não respondeu por nenhum crime.
Julio Rocha (Enzo) – Enzo foi um personagem que de certa forma surpreendeu, pois todos imaginávamos que ele daria o golpe na doutora, mas quando esta mais precisou foi o único que lhe apoiou. Soube ser amante, mas acima de tudo, amigo e companheiro.
Rafael Zulu (Edvaldo) – Edvaldo foi um exemplo de honestidade e competência. O importante foi que houve um reconhecimento por parte do patrão Juan (Carlos Casagrande), conseguindo reconhecer seu trabalho e exemplo.
Julia Lemmertz (Esther) – Exemplo de amor, perseverança. Esther mostra a mulher que sente a necessidade de ter um filho, e com este amor de mulher e de mãe  é capaz de fazer tudo para conseguir ser mãe. Quase perde um casamento feliz por amor a filha Vitória. Somente a mulher pode compreender o que é ser mãe. Mostrou que a mãe é aquela que ama, que convive, que se sacrifica.

sexta-feira, 23 de março de 2012

Florianópolis


Foto: Google Imagens




Hoje, 23 de março Florianópolis completa 286 anos, abaixo dirijo um poema a tão bela e inspiradora cidade, nossa Ilha Encantada...


Florianópolis... Florianópolis...
Parabéns, Parabéns...
Hoje você mais um ano completa...
Embora esteja mais velha,
Sua beleza parece cada vez maior...


Parabéns, Parabéns...
Florianópolis... Florianópolis...
Neste dia 23 de março...
Mais um ano, mais um passo...
Esta cidade sempre linda, sempre linda.

Maravilhosa sempre bela...
Os anos passam e você Florianópolis,
Cada vez mais linda está...
Esta ilha encantada, esta ilha da magia,
Cheia de fantasias, de magias e de encantos...
Hoje quero te felicitar e quero-te parabenizar...

Por mais um aniversário...
Por esta data tão especial...
Desde o início fostes o berço de nossa gente...
Desde o início fostes a nossa e sempre
Bela Florianópolis, Floripa para alguns...
Sempre Bela, sempre Mágica, sempre Encantada...
Parabéns Florianópolis... Parabéns...


Ismênia Nunes
Ilha de Santa Catarina

terça-feira, 20 de março de 2012

Hemosc e Estácio juntos a favor da Vida, DOE SANGUE

Foto: Ismênia Nunes


Teve início hoje na Faculdade Estácio de Sá a campanha de doação de sangue.
A coleta externa acontece hoje dia 20/03/2012 - São José.
Local: Pátio da Faculdade Estácio de Sá - Barreiros.
Horário: 8:00 – 11:30 - distribuição de 50 senhas.
13:30 – 16:30 - distribuição de 50 senhas.

Os doadores precisam estar bem de saúde e ter no mínimo 18 anos e 50kg, porém uma nova lei veio favorecer os jovens doadores, com 16 anos os menores também podem doar sangue desde que acompanhados dos pais ou responsáveis.

Na ocasião pudemos perceber a dificuldade de conseguir doadores, uma turma inteira de calouros foram até o local para saber um pouco mais do trote solidário, onde ao invés do tradicional trote o aluno pode ajudar a salvar uma vida. De toda a turma com cerca de trinta alunos, somente dois doaram sangue. O trote solidário, é uma iniciativa da Faculdade e do Hemosc, os alunos podem doar sangue, por livre e expontânea vontade, não há obrigatoriedade, porém aqueles que assim o fizerem contabilizam horas complementares, basta para isto, escanear a carteira onde diz o número de doações, lembrando que cada doação são três horas complementares e em seguida fazer o lançamento como as demais horas. O mais importante aqui é o incentivo que a Estácio dá para que o aluno tenha vontade de doar sangue e salvar vidas. Uma única doação de sangue pode salvar quatro vidas.
 
 
Durante a manhã a TVAL da assembleia esteve no local gravando uma reportagem sobre o trote solidário. Que tem por objetivo receber o aluno de uma forma humanizada.



Foto: Ismênia Nunes

sexta-feira, 16 de março de 2012

Professores entram ou não em greve?

Foto: Site do Secretário de Estado da Educação Marco Tebaldi

Com relação ao problema dos professores e governo do estado, não parece haver um consenso entre as partes. Os professores alegam que o aumento foi concedido somente para aqueles professores que estão entrando agora e que os que tem doutorado e mestrado não ganharão o aumento salárial, ou seja, ganharam 4% em janeiro, como acordado anteriormente e 4% em julho. A categoria aguarda uma nova proposta e diz não ser possível aceitar o que foi oferecido. Devem esperar por uma nova proposta por mais um mês para então entrarem em nova assembleia para uma decisão final. No momento não entrarão em greve, mas ela pode vir a acontecer. Uma nova assembleia foi marcada para dia 17 de abril.

Já a assessoria do Governador Colombo, informou que na assembleia com os professores ontem à noite ouve acordo com a categoria. Foi determinado em lei um reajuste de 22% em seus salários e aqueles que tem doutorado e mestrado terão o aumento de 8% haja vista que a lei coloca que os 22% seriam para aqueles profissionais que percebiam um salário menor, portanto os professores receberão hoje aproximadamente um salário de R$ 1.483,00 mais as vantagens adicionais, como o triênio. A proposta do Governo contempla 100% da categoria e os ganhos dos professores são de 7% a 44%.

Incêndio em depósito de munição da Polícia Militar...

Depois do Incêndio o trabalho de Limpeza


Era final de tarde de quarta feira, um dia típico de verão de muito calor, quando os bombeiros da capital foram acionados para combater um incêndio no Centro de Ensino da Polícia Militar no bairro da Trindade, na grande Florianópolis. Dez caminhões do corpo de bombeiros foram necessários para combater o incêndio de uma hora e meia.

O comandante geral da Polícia Militar de Santa Catarina, coronel Nazareno Marcineiro, concedeu entrevista exclusiva ao jornal do almoço falando sobre o caso. Ele chegou a colocar que o incêndio poderia ter tido início devido ao forte calor que vem assolando a cidade. O local estava fechado e não havia ventilação. Presume-se que pelo menos 200 quilos de pólvora e 500 mil espoletas tenham queimado com a combustão. O material explosivo era da 2ª. Guerra Mundial e seria encaminha para destruição no Exército.

Os Bombeiros tiveram dificuldades em apagar o fogo porque o depósito tinha paredes duplas além de se tratar de material explosivo. Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Marcos Oliveira, a temperatura do teto da sala, variava entre 700ºC e 1.100ºC a 15 metros do paiol, já era possível sentir a alta temperatura do chão. “Essa é a típica situação que mata bombeiro”, comentou Marcos. Mas ninguém se feriu.

 O tenente da PM coronel Rui Araújo disse que o motivo do incêndio “foi uma provável combustão em função do calor, já que não há rede elétrica lá dentro”. Além do paiol, as labaredas de fogo atingiram sete motos e um caminhão. A perda dos veículos foi total. Uma sindicância será instaurada para apurar o caso.



quarta-feira, 14 de março de 2012

Giba lota auditório da Faculdade Estácio de Sá

Google Imagens - Giba Seleção de Volei Brasileiro


Por: Ismênia Nunes

O jogador de vôlei Giba esteve na Faculdade Estácio de Sá na noite de 3ª. feira, dia 13 de março e lotou o auditório da Faculdade em São José. Num bate papo descontraído e alegre ele falou um pouco de sua vida, da infância, e é claro do voleibol.
Em dezoito anos de seleção brasileira de vôlei nosso atleta não esqueceu a infância e nos relatou que havia sofrido de leucemia desde os seis meses; e que somente aos cinco finalizou o tratamento que  tinha sido tratado com diagnóstico de anemia.

Quando questionado com relação a seus incentivadores, ele nos conta que começou a gostar de vôlei assistindo a jogos da seleção brasileira de voleibol da época, e que tinha grande admiração por Renan e Willian. Alunos da Faculdade questionaram se houve algum acontecimento importante em sua vida que pudesse deixar sua carreira por um fio. Giba confessa que aos doze anos teve uma queda de uma árvore. Era 1988, ele estava começando a jogar, naquela época já participava de estaduais. “Temi não conseguir voltar a jogar.” Mas ressalta que seria mais pesado, mais difícil se já tivesse iniciado a carreira profissionalmente. O acidente lhe deixou um ano e meio afastado, fazendo fisioterapia, parado se recuperando. Na carreira, foram ao todo duas cirurgias.
Ele nos fala da satisfação de ver as crianças se espelhando nele, de ser um exemplo de superação para elas. Em 1993 morou em Curitiba, depois, seguiu para Itália onde ficou por seis anos e posteriormente para Moscou mais dois anos. As culturas estrangeiras faziam parte do cotidiano de nosso herói. Ele nos colocou da cultura de esporte Americano, Sul Americano, Europa Central e ainda da escola Russa. Cada uma tem a sua cultura, muita integração; falou do aprendizado que teve com cada uma.

Giba disse que há uma grande necessidade do profissional de marketing, embora nem todos países identifiquem essa necessidade, e por não haver essa identificação se usufrui mal. Ele diz ter sentido essa carência quando percebeu que sua carreira ia crescendo, que os compromissos também iam aumentando e não conseguia mais administrar sozinho, precisava de um profissional. O jogador alega não haver profissional suficientemente preparado no Brasil para atuar no marketing específico de atletas.

Nosso protagonista, fala a respeito do vôlei ser o segundo esporte mais importante do país só perdendo para o futebol. O fato de não ter a mesma visão, o mesmo interesse dos brasileiros. Faz com que o vôlei tenha menos visão mercadológica. Consequentemente terá menos organização e carência de patrocínio. Mas isso vem mudando consideravelmente nos últimos anos, diz Giba. Quando um clube tem muito dinheiro, também tem mais espaço na mídia, mais retorno, mais investimento, mais prestígio. Hoje felizmente o vôlei cresceu, apareceu mais, e já tem bem mais patrocínios do que em tempos atrás. Vinte por cento dos brasileiros, segundo o jogador, tem TV por assinatura, o que acaba sendo uma vitrine para a população. Ele acredita que se a população tivesse mais acesso a este meio, os patrocinadores procurariam muito mais atletas do vôlei.

Questionado se todos os clubes têm nutricionistas, ele nos informa que ainda não é uma obrigatoriedade em todos os clubes. Mas a seleção tem nutricionista há 14 anos e Giba procura cuidar da saúde e ouvir os profissionais desta área. Ele nos diz que isto ajudou-o muito, aliás além do nutricionista nosso atleta procura seguir as orientações de outro profissional, o fisioterapeuta.

Dos alunos que estavam no auditório da Faculdade 90% da platéia era do curso de Nutrição. Duas coisas são imprescindíveis para um atleta: a alimentação e o sono, isto é tudo. Os hipercalóricos fazem parte da dieta de Giba. Falou da importância de estar atento para o uso correto dos suplementos. Mas diz comer de tudo, não tem um segredo, uma formula mágica.
Com relação à fisioterapia, hoje é muito mais preventiva do que a tempos atrás. Giba estava em uma fase muito ativa e realizou onze jogos em quatorze dias e seis semanas, e com esse esforço teve uma involução, sentiu dor como se tivesse quebrado o membro. Foi aí que ele precisou fazer uma intervenção cirúrgica. O dano foi na haste intramedular, a haste do titânio, dentro do osso. A cirurgia funcionou como um dissipador de carga. Ontem completou quatro semanas de cirurgia e agora vai recomeçar à musculação. O prazo para estar em perfeito estado ainda é difícil definir, mas o importante é que estará totalmente recuperado para as próximas competições.

Giba confia completamente nos profissionais que o acompanham (equipe médica) que já o acompanha há doze anos. E nos ilustra uma situação bem inusitada. Quando estava em Moscou e teve um problema de saúde que poderia afetar sua carreira, nosso jogador fez um tratado, que ele pudesse antes consultar os seus médicos brasileiros. Giba pegou a ponte aérea Moscou Rio, Rio Moscou. Falou-nos também da necessidade de disciplina e foco. Disse que o foco na carreira é uma escolha de vida. “Escolhi ser um atleta e sabia o risco que estava correndo. Para isto preciso ser certinho em muitas coisas para ser o que queria ser”.

Nosso atleta foi questionado sobre a questão dos costumes alimentares em diferentes países. A Itália, por exemplo, todos têm que chegar para o almoço, ou ninguém come. A dieta não é muito diferente: Carne, massa, salada e de sobremesa, uma fruta. Eles não comem correndo, tem espaços grandes para refeições. Na Rússia é a mesma coisa. Só que os italianos, contam histórias. Os Russos comem e terminam. Nosso jogador diz que os estudantes brasileiros de nutrição precisam estudar os costumes alimentares de outros países.
Para que se possa atender um atleta é necessário conhecer a individualidade, o biótipo, os costumes de cada indivíduo para que se possa indicar à cada um, um programa de alimentação ideal e direcionado. Sabendo destas diferenças alimentares, dos costumes de cada país pode-se chegar a um denominador comum, no que se deve recomendar para cada pessoa em cada situação. Uns engordam mais, outros emagrecem. Trabalhar cada individualidade em separado, estabelecer um programa específico e direcionado para cada um verificando os resultados e os diferenciais, peso, gordura.

Agora sua principal meta é jogar nas próximas olimpíadas. Londres, não chega; seu foco é até 2016 e depois quer parar. O jogador Giba diz que não acha correto tirar o lugar de um jogador jovem, preparado para o momento. Pretende ficar dentro do esporte, ainda não se questionou a respeito do que faria na área exatamente, mas não pretende ser técnico. Questionado sobre a infraestrutura para as olimpíadas de 2016, o jogador não quis se pronunciar. Diz não ter como responder. Mas, que, aliás, na Rússia os jogos acontecerão em 2018, e 50% dos estádios já estão prontos.

segunda-feira, 12 de março de 2012

SÃO JOSÉ - R. Leoberto Leal


                                    Vídeo: Ismênia Nunes




Por: Ismênia Nunes


Hoje se faz passeata por tudo, aliás de diversas formas. Mas o povo ainda não se uniu o bastante para reclamar todos seus direitos de cidadão: Não estou aqui para falar de um único assunto, o transporte é o foco no momento sim, mas o povo prescisa mais que nunca reclamar sim sobre o transporte, o trânsito, ciclovias que já é lei desde 2001, a pobreza, a menticância, as crianças abandonadas, o problema das drogas, a criminalidade, a falta de educação, aliás a má qualidade da educação, bons salários, aos professores, médicos e policiais. Tudo isso e muito mais, faz parte de nossos direitos como cidadão.

Nosso foco hoje é o trânsito, o transito em São José, na Avenida Leoberto Leal, a principal de Barreiros. Os que vem de Biguaçú, Barreiros, B. Ipiranga, Gov. Celso Ramos, precisam passar por ele. Por isso, postei doze vídeos em sequência acompanhando o trânsito da Leoberto Leal em São José. Precisamos urgente da Beira Mar em Barreiros, sabemos que a Beira Mar continental será pauta em breve, mas a de Barreiros não pode ficar esquecida.

Os prefeitos precisam trabalhar e planejar juntos as soluções. Não podemos pensar no trânsito de Florianópolis sem falar de São José e municípios vizinhos. Afinal todos caminhos levam a Floripa, mas se estiver assim desse jeito parado, parado, não levará a lugar algum.

Será que alguém já pensou que com a copa do mundo esse movimento tende a aumentar? Mesmo que a copa não seja aqui, mas quem vier do exterior para assistir a copa com certeza passará por Floripa? É isso que querem mostrar?

Quem precisa estudar, trabalhar, todos os dias com um trânsito desse, haja paciência, o tempo no trânsito é um tempo perdido. BEIRA MAR DE BARREIROS JÁ!

Vejam os demais vídeos - são doze, procure por: São José - R. Leoberto Leal.
http://www.youtube.com/watch?v=1YL1mg5Noxo&feature=youtu.be

Batman vai ajudar polícia a combater crimes



Foto: Reprodução


Militar que ficou conhecido por combater crimes fantasiado de Batman volta a ativa.

 
A partir do dia 17 de março, a Polícia Militar da cidade de Taubaté (SP) contará com um super reforço chamado Batman. O militar aposentado André Luiz Pinheiro, de 50 anos, é muito conhecido na cidade por usar a fantasia do Cavaleiro das Trevas. Ele foi convidado para participar do 'Movimento pela Paz', operação de esforços de paz em bairros perigosos.
Segundo o site 'O Vale', o Morcegão já conversou com a major Eliane Nikoluk Scachetti, comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar do interior, e deve ajudar no combate ao tráfico de drogas e crimes.

Fonte:Yahoo notícias
Por Lorran Schoechet | Podeissosex, 9 de mar de 2012 09:37 BRT